26/07/2019 às 11h00min - Atualizada em 26/07/2019 às 11h00min

Operação vai destruir cerca de 16 mil armas no Rio de Janeiro

O material será destruído no Batalhão de Manutenção e cumprimento de Armamento, em Deodoro

EBC
Exército destrói armas apreendidas no Rio de Janeiro. (Arquivo/Fernando Frazão/Agencia Brasil)

Cerca de 16 mil armas apreendidas serão destruídas nesta sexta-feira (26) durante a Operação Rolo Compressor III, conduzida pelo Exército Brasileiro. Há três anos a iniciativa se repete com o objetivo de conscientizar os cidadãos brasileiros sobre a violência armada.

 

O material será destruído no Batalhão de Manutenção e  cumprimento de Armamento, em Deodoro, na zona oeste do Rio de Janeiro. 

Esses armamentos apreendidos foram considerados dispensáveis para a continuidade de processos judiciais a que estavam relacionados. Por isto, receberam a ordem de destruição por magistrados. As armas nessa situação são encaminhadas à destruição ou à doação a órgãos de segurança pública e às Forças Armadas.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Emprego no Brasil