08/11/2018 às 10h00min - Atualizada em 08/11/2018 às 10h00min

Escola do Recanto das Emas recebe representantes da Embaixada do Japão

Visita ocorreu no Centro de Ensino Fundamental 802, por meio do programa Embaixadas de Portas Abertas

Agência Brasília

O encontro faz parte do programa Embaixadas de Portas Abertas, cujas atividades integram o Criança Candanga, conjunto de políticas públicas voltadas para a infância e a adolescência. (Gabriel Jabur/Agência Brasília)
Com murais temáticos, dobraduras em papel e uma mesa com alimentos típicos do Brasil, estudantes do Centro de Ensino Fundamental 802 do Recanto das Emas receberam representantes da Embaixada do Japão.
 

Na última semana, parte dos alunos visitou a sede da representação para conhecer mais sobre o país. Agora, como anfitriões, puderam mostrar um pouco da cultura local.

No início da cerimônia foram entoados os hinos nacionais japonês e brasileiro. “Esta é a primeira vez que uma embaixada visita nossa escola”, destacou a diretora, Maria do Socorro Bandeira Lopes, ao dar as boas-vindas.

 

O encontro faz parte do programa Embaixadas de Portas Abertas, cujas atividades integram o Criança Candanga, conjunto de políticas públicas voltadas para a infância e a adolescência.

“É muito importante essa relação com escolas e alunos, e o intercâmbio por meio de cultura, do estudo de japonês”, pontuou o chefe do Departamento de Cultura e Imprensa da embaixada, Hisayoshi Muto.

Dos representantes diplomáticos, o colégio recebeu materiais educativos sobre o país oriental. Da colaboradora do governo e idealizadora do programa, Márcia Rollemberg, uma placa que indica que a escola é parceira da iniciativa. Já a embaixada recebeu um certificado.

“Encontramos aqui professores e estudantes interessados no Japão, que falam japonês. É um momento de consagrar uma parceria que tem tudo para se efetivar como permanente”, ressaltou Márcia.

 

Além de assistirem a uma apresentação cultural, um jogral e vídeos temáticos sobre o Brasil, Brasília e o Recanto das Emas, os representantes visitaram as instalações, conversaram com alunos e posaram para fotos. Entre as comidas que puderam provar estavam cuscuz, pão de queijo e bolo de chocolate.

Com cerca de 1,2 mil alunos, o Centro de Ensino Fundamental 802 atende estudantes nos ensinos infantil, fundamental, integral e especial e na educação de jovens de adultos (EJA).

Embaixadas podem demonstrar interesse no projeto

Embaixadas de Portas Abertas começou, como piloto, em 2015. Foi instituído oficialmente em 9 de agosto de 2017.

A iniciativa é uma parceria da Assessoria Internacional com a Secretaria de Educação e a Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília (TCB) — que leva os alunos às embaixadas.

As representações diplomáticas interessadas em participar podem enviar e-mail para assessoria.internacional@buriti.df.gov.br.


 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »