06/11/2018 às 15h40min - Atualizada em 06/11/2018 às 15h40min

Principal esperança de gols do Flu, Luciano volta a estádio onde marcou o primeiro pelo tricolor

Atacante é aposta do time na semifinal da Copa Sul-Americana, contra o Atlético-PR

Agência O Globo

Principal esperança de gols do Flu, Luciano volta a estádio onde marcou o primeiro pelo tricolor (Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.)

Luciano voltará à Arena da Baixada, pela semifinal da Sul-Americana, menos de dois meses após a derrota do Fluminense para o Atlético-PR no estádio, pelo Brasileiro. Apesar do pouco tempo entre as duas partidas, o atacante retorna em outro momento. Foi lá que marcou pela primeira vez com a camisa tricolor. Desde então, firmou-se na posição e, nesta quarta, será a principal esperança de gols da equipe das Laranjeiras.

  Daquela partida até o clássico contra o Vasco, no último sábado, pelo Brasileiro, Luciano defendeu o Fluminense em 11 ocasiões. Os números neste período justificam a escolha do técnico Marcelo Oliveira por ele. O centroavante marcou cinco vezes e se igualou ao próprio Pedro como artilheiro da equipe no pós-Copa. Sua média neste intervalo, por sinal, é muito parecida com a do próprio camisa 9 ao longo de 2018: 0,45 gols por jogo contra 0,47 do atacante de 21 anos, que só voltará a atuar somente no ano que vem.

  Foi Luciano, inclusive, que acabou com o jejum de gols do ataque do Fluminense, até então dependente de Pedro. Não é à toa. O atacante é o tricolor que mais leva perigo aos goleiros rivais. Nos últimos 11 jogos, foram 14 finalizações corretas — média de 1,3 por partida. O segundo que mais chutou na direção do gol neste período foi seu parceiro Everaldo: oito tentativas (0,7 por jogo).

  Balançar as redes do Atlético-PR na Arena da Baixada será importante para o Fluminense. Na Sul-Americana, o gol fora de casa é critério de desempate. O jogo de volta será no dia 28.

 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »