20/04/2017 às 17h43min - Atualizada em 20/04/2017 às 17h43min

Ex-prefeito é proibido de entrar na prefeitura de Araruama, no Rio

Na decisão, o juiz fixou uma multa de R$ 5 mil caso a medida seja descumprida

Folhapress

Ex-prefeito é proibido de entrar na prefeitura de Araruama, no Rio (Foto: Divulgação)

 

A Justiça do Rio proibiu Francisco Ribeiro, ex-prefeito de Araruama, de entrar na prefeitura e dependências de qualquer órgão municipal da cidade. A decisão desta quarta-feira (19) atende uma medida liminar requerida pelo Ministério Público.

Na decisão, o juiz fixou uma multa de R$ 5 mil caso a medida seja descumprida. Segundo o magistrado, as provas apuradas comprovam que Ribeiro, que se tornou inelegível em 2014, utilizava as dependências para fazer reuniões, nomeações e exonerações, como se fosse prefeito de fato.

Os atos de Ribeiro tinham aval da sua mulher, Lívia Soares Bello da Silva (PDT), atual prefeita de Araruama. A campanha que a elegeu tinha como lema "Vota nela que ele volta", de acordo com o processo.

Para o juiz, "há fundadas evidências apontando para a prática de condutas, por parte do réu, que constituem nítida burla à proibição que lhe foi imposta judicialmente (cassação dos direitos políticos / inelegibilidade), com a complacência/anuência da ré, consubstanciando-se em notória afronta aos princípios da moralidade, legalidade e impessoalidade".

Tags »
Ex-prefeito proibido entrar prefeitura Araruama Rio Francisco Ribeiro
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Moeda Valor
Dólar 3.2654
Euro 3.6478
Peso Argentino 0.2041
Bitcoin 10098.979