28/01/2017 às 19h38min - Atualizada em 28/01/2017 às 19h38min

Yet Go, aplicativo de mobilidade urbana, chega a Brasília

Rival do Uber, aplicativo oferece promoções, corridas mais baratas e não trabalha com tarifa dinâmica

da Redação

Yet Go, aplicativo de mobilidade urbana, chega a Brasília (Foto: Divulgação)

 

 

A partir desta semana, Brasília já conta com a Yet Go, plataforma de mobilidade urbana 100% brasileira, lançada para concorrer diretamente com o Uber em todo o Brasil, oferecendo valores mais baratos na corrida, com serviços de carro comum, executivo, mototaxi e motofrete.

Alberto Souza Júnior, sócio-fundador e diretor de operações da plataforma, encontra-se no município para reunião de ativação do aplicativo e para fazer um treinamento com os motoristas cadastrados. “Brasília nos surpreendeu positivamente. Em apenas uma semana, muitos motoristas baixaram o aplicativo. Viemos para somar e não para criar inimizade com os taxistas. Pelo contrário! Eles também podem baixar o aplicativo e trabalhar conosco, aumentando assim, o seu salário”, comenta Alberto.

Atualmente, a empresa possui mais de 500 motoristas cadastrados na capital brasiliense. A tarifa cobrada é de R$ 1,70 para o carro comum e R$ 2,00 para o carro de luxo, a cada quilômetro percorrido. A tarifa base é de R$3,00. Comparando com a bandeira 1 do táxi comum, ao utilizar o serviço pelo aplicativo, os usuários têm uma economia de até 40%. Com relação ao táxi de aeroporto, o aplicativo fica entre 50% e até 70% mais barato, dependendo da cidade.

Para atrair a clientela, a empresa oferece uma série de promoções, não trabalha com tarifa dinâmica, não cobra tarifa de cancelamento da corrida e mantém fixo o preço do quilômetro rodado. “O nosso valor é fixo e 40% menor que o do taxi tradicional. Os usuários podem pagar tanto em cartão quanto em dinheiro e não é necessário informar o número do cartão para se cadastrar no aplicativo. Mensalmente, faremos o Yet10, corridas a R$10,00 para qualquer lugar dentro do município. A promoção já acontece em outras cidades do Brasil e é um sucesso”, conta Alberto. “Recebemos um aporte financeiro de 5 milhões de reais, fazendo com que a empresa cresça mais rápido do que o esperado”, afirma.

Além dos usuários, os motoristas também terão benefícios. “Eles ficarão isentos de 100% da taxa de pagamento, no 1º mês, para a empresa. Além disso, terão convênios com postos de gasolina das cidades, onde o preço do combustível será R$ 0,20 menor do que o normal. Se for bem avaliado pelos usuários, terá redução na taxa de 25% que será cobrada pela empresa a partir do segundo mês de operação”, comenta Alberto.

Yet Go

O aplicativo, 100% brasileiro, foi desenvolvido em Belém (PA), pelo chefe de departamento de TI da Yet Go, Raphael Canguçu, e lançado em novembro de 2016. Ele já está disponível para download no Android e Apple Store.  Em pouco tempo, seu sucesso como franquia já ultrapassa os limites marcando presença na maioria das capitais brasileiras com o propósito de ser a melhor plataforma de mobilidade urbana do país, especialmente, considerando-se custo/benefício. Além de Braília, a Yet Go já funciona em São Paulo, São Luís, Fortaleza, Belo Horizonte, Belém,  Alagoas, Curitiba, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. A estimativa é que no início de fevereiro consiga faturar R$7 milhões por dia em corridas por todo o Brasil.

O aplicativo teve 3 holdings de investidores: TWIM (Belém) Investimento, Grupo JBG3 (Rio Grande do Sul) e Fênix (Belo Horizonte). Eles pretendem abrir o capital da empresa até o final do primeiro semestre de 2017. Atualmente, o Yet Go está avaliado em mais de 100 milhões de reais.

O Yet Go possui uma parceria com a Fenamoto (Federação Nacional dos Mototaxistas e Motoboys do Brasil), a qual indica a todos os seus associados à plataforma. Estima-se que exista 5 milhões de associados e que cada profissional realize uma média de 20 corridas diariamente, com uma margem de 100 milhões de corridas por dia no Brasil.

Para chegar ao modelo ideal, os criadores da empresa percorreram diversas cidades no Brasil e nos Estados Unidos de táxi e utilizando plataformas concorrentes para avaliar os serviços.

Segurança

A Yet Go dispõe de mecanismos que garantem a segurança dos usuários.

Ao solicitar o cadastro, o motoristas precisa apresentar um “nada consta” de antecedentes criminais e estar com a documentação pessoal e do veículo em dia. Além disso, o veículo tem que ser acima de 2008 e bem conservado.

Tags »
Yet Go mobilidade urbana Brasília
Notícias Relacionadas »
Comentários »